Índio de 15 anos morre após contrair coronavírus

Morreu na noite desta quinta-feira, 9 de abril, um índio de apenas 15 anos. Trata-se de Alvanei Xirixana, que nasceu na aldeia Rehebe, dentro da Terra Indígena Yanomami. O jovem havia sido diagnosticado com a doença Covid-19, causada pelo novo coronavírus.

O índio ficou internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), do Hospital Geral de Roraima (HGR), em Boa Vista. Alvanei havia testado positivo para a doença causada pelo novo coronavírus e somente na contraprova que foi diagnosticada infecção pelo vírus.

Desde o dia 3 abril, o índio estava na UTI. Ao chegar no hospital, Alvanei já apresentava um estado preocupante. Os sintomas do adolescente eram falta de ar, dor no peito, dor de garganta e febre.

Por mais que tenha sido criado em uma aldeia, Alvanei estava residindo na cidade de Alto Alegre, com intuito de estudar. Em uma foto, o jovem aparece com um boné do São Paulo Futebol Clube, portanto parecia ser um torcedor assíduo do Tricolor.

No estado de Roraima, foram registrados 63 casos e a primeira morte havia sido registrada no último dia 3 de abril. Se tratava de um idoso de 60 anos. Agora, Alvanei entra na estatística. Entretanto, o Ministério da Saúde nega ter recebido informações sobre a morte do garoto e diz que não há registro de mortes indígenas pelo novo coronavírus.

Houve uma denúncia do Conselho Indigenista Missionário (Cimi) e do Instituto Socioambiental (ISA) para que houvesse uma investigação, pois estes institutos afirmam que poderiam haver mais mortes de indígenas pelo novo coronavírus.

O Ministério Público Federal (MPF) declarou que irá investigar os casos de outras duas mortes suspeitas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.