Acidente grave envolvendo van escolar interdita rua Nilo Peçanha

No acidente na rua Nilo Peçanha, que envolveu três veículos, ninguém ficou ferido, entretanto, um motorista precisou ser resgatado após ficar preso nas ferragens

 

Um acidente, envolvendo três veículos, acabou interditando a rua Nilo Peçanha, no bairro São Lourenço, em Curitiba. A colisão, registrada no início da noite desta quinta-feira (4), foi entre um carro, conduzido por um motorista de aplicativo, uma van escolar e outro automóvel que estava estacionado. Apesar da gravidade do acidente, ninguém ficou ferido.

Os motoristas da van e do carro de aplicativo, que chegou a capotar, não quiseram conversar com a equipe da RICTV PR.

Acidente grave na Nilo Peçanha

O acidente foi registrado no momento em que crianças saíam de uma escola de ensino infantil localizada na região. Um carro, Renault Sandero, descia pela via quando acabou atingindo outro veículo que estava estacionado. Com a colisão, o Sandero capotou e atingiu uma van escolar que chegava ao local para fazer o transporte de alunos.

A motorista do veículo que estava estacionado não presenciou o acidente pois estava dentro da escola em uma reunião. Após a colisão, com o forte barulho, a mulher saiu verificar o que havia acontecido e encontrou as veículos amassados.

O homem que conduzia o Sandero, que chegou a capotar, precisou de ajuda do Corpo de Bombeiros para sair das ferragens. Apesar do susto, o motorista não teve ferimentos.

Confira mais informações:

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.