Caso jogador Daniel: acusados serão interrogados por juíza em agosto

Todos os envolvidos no caso do jogador Daniel Corrêa Freitas, de 24 anos, serão interrogados em agosto. A decisão da juíza Luciani Regina Martins de Paula, da 1ª Vara Criminal de São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, foi publicada no dia 17 de junho.

Caso jogador Daniel caminha para conclusão

Na decisão, a juíza declarou não ser necessário esperar pelas “diligências que se encontram pendentes” assim como não é preciso aguardar as “oitiva das testemunhas faltantes”, pois não são “imprescindíveis” para que o interrogatório sobre o Caso do jogador Daniel seja feito.

Sendo assim, serão ouvidos a partir do dia 05 de agosto, podendo o ato se estender até o dia 07 de agosto de 2019, os seguintes acusados de envolvimento na morte de Daniel:

  • Edison Brittes (38 anos): homicídio triplamente qualificado, ocultação de cadáver, fraude processual e corrupção de menor e coação no curso do processo;
  • Cristiana Brittes (35 anos):  homicídio qualificado por motivo torpe, coação do curso de processo, fraude processual e corrupção de menor;
  • Allana Brites (18 anos): coação no curso do processo, fraude processual e corrupção de menor;
  • Eduardo da Silva (19 anos): homicídio triplamente qualificado, ocultação de cadáver, fraude processual e corrupção de menor;
  • Ygor King (19 anos):  homicídio triplamente qualificado, ocultação de cadáver, fraude processual e corrupção de menor;
  • David Willian da Silva (18 anos):  homicídio triplamente qualificado, ocultação de cadáver, fraude processual, corrupção de menor e denunciação caluniosa;
  • Evellyn Brisola (19 anos):  denunciação caluniosa, fraude processual, corrupção de menor e falso testemunho.

Entenda a morte do jogador Daniel

jogador Daniel foi morto brutalmente após uma confusão ocorrida na residência dos Brittes. Na ocasião, ele foi flagrado por Edison Brittes, de 38 anos, no quarto com sua esposa Cristiana Brittes, de 35 anos.

O Caso do jogador Daniel investiga o assassinato brutal do jogador que foi morto após ser flagrado na cama com Cristiana Brittes.
O CASO DO JOGADOR DANIEL INVESTIGA O ASSASSINATO BRUTAL DO JOGADOR QUE FOI MORTO APÓS SER FLAGRADO NA CAMA COM CRISTIANA BRITTES. (FOTO: DIVULGAÇÃO/POLÍCIA CIVIL)

Segundo o depoimento da acusada, ela teria acordado com Daniel apenas de cueca no local. A defesa da família Brittes alega que o jogador tentou estuprar Cristiana enquanto os advogados da família de Daniel afirmam que tudo não passou de uma brincadeira infantil e de mau gosto do jovem.O resultado do flagrante foi o espancamento do jogador ainda na casa dos Brittes e seu assassinato na Colônia Mergulhão. Ele teve seu pescoço parcialmente decapitado com uma faca de churrasco e o órgão sexual extirpado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.